terça-feira, 8 de julho de 2014

o barba azul

teu pescoço mastiga meus olhos
sem dó

meus caninos
         acorrentados
                          sangram


.

Nenhum comentário:

Postar um comentário