quarta-feira, 11 de junho de 2014

jogada

deito a cabeça sobre as costas duras
do baralho
que dorme esticado sobre a cama

não preciso ver os naipes
adivinho que esse jogo
é de perder


.

Nenhum comentário:

Postar um comentário