sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

ode muda

quase sempre eu morria
sem dizer nada


.

Nenhum comentário:

Postar um comentário