sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Rendezvous

Loui Jover

v
vem
abraça-me
num rendezvous infinito
protegidos pela tempestade 
enquanto todo o mundo se desmunda 
não importa onde todos os lugares é aqui
no teu colo meu de tinta fresca a palavra alimenta
o desejo que escorre suado entre as pernas do discurso
um urso acordando minha floresta hibernada no teu adeus
meu
amor
meu
amante
meu
amigo
meu
eterno
namorado
proteja nossa verdade 


.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário