domingo, 10 de novembro de 2013

27.

eu não entendo por que estou escrevendo isso sendo que isso de escrever isso já acabou faz tempo tanto tempo que nem sei bem no dia em que isso de mim parou de me importar mas hoje hoje eu me sinto sozinha hoje eu me sinto muito sozinha e perdida e eu não sei muito bem como isso aconteceu como isso tem acontecido comigo porque às vezes eu me esqueço eu me esqueço de mim e fica tudo bem mas aí eu percebo que eu nunca saio de mim nem esses poemas todos conseguem fazer com que minha cabeça pare de pensar por um momento eu só queria parar um momento e viver coisas sem sentido eu queria um momento não fazer sentido e hoje porra hoje eu até que estava neutra eu estava neutralizada eu estava aparentemente normal dentro de mim e aí eu entrei no carro e eu sempre deixo um cd no meu carro um cd que não represente nenhum risco ao meu pescoço mas justamente hoje hoje que eu estava aparentemente normal apenas triste apenas muito triste normalmente triste apenas basicamente deteriorada basicamente fodida basicamente um trapo justamente hoje quando eu entrei no carro porra mermã por que você trocou a porra do cd vc não sabe que eu estou permanentemente em recuperação? caralho eu te pedi pra nunca nunca trocar aquele cd e aí vc me dá uma facada nas costas eu não sabi g. eu não sabia que te faria mal eu só estava ouvindo porque gosto dessa música mas meu essa música caralho essa música me faz lembrar me faz lembrar essa música me faz lembrar de mim essa música sei lá quantos milhões de anos tem essa música guarda uma energia enérgica e agora eu to entendendo qualé que é a feitiçaria dessas canções elas prendem a gente lá dentro elas prendem um instante da gente lá dentro elas roubam a nossa alma elas prendem a gente numa armadilha melódica entre grades sonoras invisíveis e sugam o de melhor da gente e sugam a gente e suagam vampirescas canções que deveriam ser banidas da terra as pessoas estão ficando uma bosta por causa das música e quanto mais as músicas são boas mais elas são capazes de nos capturar e vai chegar uma hora que esse povo todo vai virar zumbi com seus fones de ouvido fones de topo gigio fones imensos de cabeça essa coisas enormes com antenas invisíveis que sugam a alma e guardam dentro de um dispositivo nuclear que não passa de 3 minutos e meio para ser detonar e dar fim a sua vida e foi isso que aconteceu antes que eu  surtei porque eu tive certeza de que nunca mais vou ser feliz de novo nunca mais eu vou ser feliz de novo e eu juro que u queria abandonar o carro na rua e sair correndo e sair chorando e sentar na beira da calçada e deitar na sarjeta e se alguém passasse de carro e me desse uma carona pra felicidade eu pulava dentro eu pulava dentro e não avisava ninguém e cara eu ia ser feliz de novo nem que fosse por algumas horas alguns dias uma semana por favor eu quero uma semana e meia de felicidade mas também pode ser só o tempo de um filme de uma semana e meia de felicidade e isso dá menos de duas horas mas também poderia ser o trailler de um filme de uma semana e meia de felicidade e aí já caiu dois minutos e já tá valendo eu preciso de uma injeção de felicidade no meio do meu cérebro e tuf pronto pronto eu queria me drogar muito hoje mas a merda é que eu não posso me drogar porque eu passo mal mas caralho eu passo mal quando não me drogo também e será então que a porra da minha vida vai ser assim pra sempre eu vou ter que ficar escrevendo poesia cinco dez quinze um milhão de poesia dando trela pra esse discurso ininterrupto que rola na minha cabeça e nunca nunca mais vou viver uma vida normal quando meu deus isso começou quando será que eu sou assim uma merda de pessoa que não tem capacidade pra cicatrizar a porra de umas feridas será que toda vez que eu cair que eu escorregar que eu pisar num buraco qualquer que nem hoje numa música numa bomba numa granada numa melodia besta tem de uma avalanche de experiência ruim rolar sobre minha cabeça e me soterrar inteira nesse gelo todo eu não acredito que essa porra de tristeza tá acontecendo de novo é certeza que estou com falta de glóbulos brancos é certeza que os glóbulos vermelhos atacaram os brancos e detonaram com eles porque o sergio chapelin falou que os glóbulos brancos são responsáveis por uma coisa importante e devem de ser todos médicos e enfermeiros dentro do corpo da gente e caralho cadê meus glóbulos brancos certeza certeza que os filhodaputa dos glóbulos vermelhos mataram eles comeram eles todos carnívoros antropófagos e agora agora eu to aqui toda ensanguentada de novo... porra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário