terça-feira, 8 de outubro de 2013

insumo

o pássaro
em voo altivo e firme

deixa seu rastro de fumaça maculando azuis

das turbinas ecoa
                   o riso seco

como veneno orvalhado
                     sobre meu amor
                     sobre minha crença

algumas raízes
como unhas retorcidas
prendem-se a mim

outras
      perdem-se


.

Nenhum comentário:

Postar um comentário