sábado, 17 de agosto de 2013

viagens de volta

um avesso primoroso
de histórias & delírios

lucidez alucinante
anoitecendo
no debaixo mar espumoso da língua
penumbra por detrás da cortina de cílios
redemoinho palavroso de ideias raras

ranger afiado de caninos
cristais
em cacos

cascos

barco-arca
cortando o pântano pleno
de profundezas
raízes submersas
jacarés gigantes
alce alçando voo
e tua mão cravada no meu sopro

sisudez de aves feias
de árvores retorcidas
gritos infernais
abismos bilaterais
ganido lamentoso no granito frio da noite

e teu corpo cravado de pressa
comprimindo candura de ânsia de seios
anseios
murro sobre muro
revoltoso vômito
de morte

minúsculo diamante
indissolvido na vida

e teus olhos cravados no remanso dos meus
árias aquosas na manhã plena de verde & verniz
de peixes
pedrarias
tesouros

desavesso primoroso
de histórias
reais


.

Nenhum comentário:

Postar um comentário