sábado, 17 de agosto de 2013

tempo de alma

um Agora
que se faz carne

e pode esperar


.

Nenhum comentário:

Postar um comentário