sexta-feira, 10 de maio de 2013

aula inaugural: de quantos diabos se faz uma humildade



não me surpreende
que a cabana do Poeta
se mantenha intacta
enquanto meu templo
ruiu

que esperar daquele
que anda pelo caminho
[sem ao menos ver os escombros
ou, que fosse, a aura perdida na lama
bláblábláudelairiana]

preocupado apenas
com o minúsculo buraco

não aquele, 
mas o outro
             majestoso
             e cheio de
             DIGNIDADE

que ostenta orgulhoso
protegido por grossas
camadas adiposas

bem no meio
da barriga


.

Nenhum comentário:

Postar um comentário