terça-feira, 9 de abril de 2013

coragem



e quando eu tiver coragem
vou escrever pra você
dizendo:

“você estava certo
há um vírus
e me contaminou
ponto
estou doente
e posso até morrer”

mas repara bem:
não haverá aspas
nem versos
ou recursos poéticos

então qualquer semelhança com a ficção
será mera coincidência


.

Nenhum comentário:

Postar um comentário